Pular para o conteúdo principal
Artigo: Posição Estratégica de um Contador no atual mercado de trabalho

Posição Estratégica de um Contador no atual mercado de trabalho

Rudinei Viganó

Todas as notícias do mundo dos negócios apontam para um novo tempo voltado para tecnologia, inovação, inteligência artificial, internet das coisas, humanização das profissões, indústria 4.0, omnichannel, chatbot, big data, business intelligence, machine learning, people analytics, fake news e tantos outros termos em português ou inglês.

Mas, o que novo mercado de trabalho reserva para o profissional da contabilidade?

Apurar tributos, entregar obrigações acessórias, informar procedimentos fiscais e contábeis, bem como, analisar informações financeiras emanadas pelas demonstrações contábeis e relatórios gerenciais são funções que já estão incorporadas ao contador. Este é o mínimo que um profissional pode ou deve fazer. A exigência do mercado atual aponta para um profissional que atue no âmbito da análise preditiva de dados, e tenho a absoluta convicção que, o contador estará apto para esta vocação. A adaptação deverá ser imediata e profunda para atender as necessidades do atual empreendedor.

A partir das informações disponíveis de forma organizada ou desorganizada, dentro da empresa ou fora dela, obter insights nas áreas financeira, comercial, administrativa, estratégica e recursos humanos. Estes insights deverão nortear o empreendedor para tomada de decisões que farão diferença na perpetuação e prosperidade de qualquer negócio.

O profissional contábil de sucesso será aquele que atuará na observação da estratégia do negócio de seu cliente, e assim, buscará informações e aconselhará o empresário para o alinhamento das ações em busca do sucesso da estratégia.

Estou falando de algo muito avançado quando olharmos para o atual relacionamento entre o empresário e contador. O constante avanço da burocracia, complexidade tributária, baixa valorização deste profissional faz com que a atuação não ultrapasse o campo do operacional. Quando o profissional atuar com mais foco na área estratégica, então, teremos uma valorização muito maior.

Em minha visão e de forma prática, a única forma de mudarmos de patamar é buscando soluções tecnológicas, inovação de processos e treinamento de pessoal dentro de nossa organização. No âmbito externo a nossa organização: formação dos profissionais norteada para o pensamento estratégico, a educação continuada de forma obrigatória a todos, a conscientização da imagem deste profissional são fatores que contribuem para o sucesso desta profissão.

Tudo o que falei anteriormente é no mundo perfeito. Primeiramente, temos que deixar de sermos acomodados e preconceituosos com as novidades ou com o relacionamento criado junto ao nosso cliente.

A definição do posicionamento estratégico de um profissional da área contábil é mais importante que o conhecimento operacional. Saber onde e como deseja chegar aos objetivos é essencial para as tomadas de decisões em sua vida profissional.  

Enfim, conhecer muito bem o ambiente de negócios e identificar oportunidades de atuação é o diferencial deste novo profissional contábil.

Sobre o autor: Possui experiência na área contábil, administrativa e financeira por mais de 32 anos. Graduado em Ciências Contábeis pela UCS, MBA em Gestão Empresarial pela FGV, Coach PSC (Professional and Self Coaching) pelo IBC – Instituto Brasileiro de Coaching. Conselheiro de Administração e Fiscal pelo IBGC (Instituto Brasileiro de Governança Corporativa), Auditor con- tábil e fiscal, tributarista especialista em legislação federal, estadual, municipal. Atua em projetos de fusões e aquisições, in- teligência de negócio, análise de investimento, controladoria e conselheiro fiscal de entidades. Ao longo de sua carreira profissional, atuou como contador de grande empresa nacional, empresário da contabilidade, membro do Conselho Muni-  cipal de Contribuintes de Caxias do Sul/RS, membro da Comissão de Estudos das Organizações Contábeis junto ao CRCRS e Diretor Institucional e Legal do Sescon Serra Gaúcha. Atualmente, é sócio administrador das seguintes empresas: Mynne Consultoria de Negócio; Proccesc Centro de Soluções Administrativas; H4 Inteligência Fiscal; e, Regras Fiscais Inteligência e Compartilhamento. br.linkedin.com/in/rudineivigano